O MERCOSUL

Você está aqui

Home / Idade Contemporânea / O MERCOSUL

Curtidas

2

Comentários

0

Compartilhe:

Depois que o Brasil realizou uma abertura na economia, através de sua inserção e uma intensa participação no MERCOSUL, que corresponde ao bloco econômico Sul-Americano, promoveu respectivamente um aumento na produção industrial e do mercado de trabalho, alguns dados relevam que após uma década de atuação do bloco os integrantes juntos reúnem cifras de 2 trilhões de dólares.

O bloco econômico MERCOSUL teve seu início no dia 26 de março de 1991, com a assinatura do Tratado de Assunção, assinado pelos presidentes de Brasil (Collor), Argentina (Menen), Uruguai (Lacalle) e Paraguai (Rodrigues), a Venezuela ingressou em julho de 2006. A implantação do bloco tem como objetivos principais; integrar as nações que compõe o bloco e preencher as lacunas dos grandes espaços econômicos dispostos no mercado mundial, aumentando o fluxo de mercadorias, capitais e serviços, em escala regional e internacional.

Os blocos econômicos se diferem conforme o acordo preliminar da assinatura do tratado. A partir de discussões ficaram definidas as características do MERCOSUL, no qual: existe a livre circulação de mercadorias, capitais e serviços entre os integrantes, as taxas alfandegárias são únicas a todos, direções e decisões conjuntas a cerca de assuntos econômicos em escala regional e mundial, elaboração de medidas políticas em níveis macroeconômicas e microeconômicas no sentido de atender setores de comércio exterior, agropecuária, industrial, fiscal, monetária, de câmbio e capitais, serviços, telecomunicação, transporte entre outras.

Curtidas

2

Comentários

0

Compartilhe: