Sociedade Asteca - História da Sociedade Asteca

Você está aqui

Home / Asteca / Sociedade Asteca - História da Sociedade Asteca

Curtidas

0

Comentários

Compartilhe:

A sociedade era bastante flexível, ocorrendo mobilidade social dentro do Império.
Alguns membros das baixas camadas livres poderiam ascender à categoria de dignitários graças à bravura nos combates, era possível galagar postos militares e chegar a fazer parte da Aristrocracia militar. Poderiam também, dedicar-se aos serviços religiosos e até, mesmo chegar a ser supremo Sacerdote.

Ela se organizava como uma pirâmide desde os indígenas: na base escravos (bem tratados), servo (que trabalhavam nas terras privadas da nobreza), já a maioria da população era composta pelos comuns (Macehualtin), que viviam e trabalhavam nas terras comunitárias, por direito de usufruto. Os Comuns pertenciam a grupos familiares Capulli (Casas Grandes), que possuíam terra, um chefe de clã e um templo. Acima de todas as categorias anteriores, estava a Nobreza Hereditária (Pipiltin), de onde saíam os burocratas para o sistema, e de cujas fileiras se formava o Conselho do Imperador.

Civilização Asteca

Curtidas

5

Comentários

Compartilhe: